Homens de Verde

Foi bem mais do que as águas de março fechando o verão

Duro golpe dos homens de verde em nossa nação

Tomaram a força o poder, gente sem coração

Censurando todo pensamento, calando a razão

Dos porões liberdade gritou

Pesadelo, meu Deus, que terror

Os AI´s que decretam os ais de muitas mães

Quem sonhava, para onde foi?

Foi-se embora pra longe daqui

Pra fugir do destino cruel

Maldição que a tantos dizimou

DOI-CODI, UDN, PSD

Golbery, Costa e Silva, TFP

Negras páginas em nossa memória

Homens de verde nunca mais!

Figueiredo, Geisel, Médici

Castelo Branco, SNI

Negras páginas em nossa memória

Homens de verde nunca mais!

 

PS. Sinceramente, não sei o que é pior: Os “homens de verde” do passado ou os “ladrões de tudo quanto é cor” da atualidade. Dureza.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s